A Concertato – Associação Musical é uma associação sem fins lucrativos, criada a 30 de Maio de 2000, substituindo a anterior Associação – Coro Regina Coeli de Lisboa, fundada em 1981, e tem por objecto o ensino, prática, divulgação, promoção e cooperação da música, em especial da música coral. A nova associação foi criada para dar resposta ao progressivo alargamento do âmbito das actividades desenvolvidas.

A Associação tem a sua génese no Coro Regina Coeli de Lisboa, criado em 1966 pelo maestro António Joaquim Lourenço, na freguesia dos Olivais, em Lisboa. Durante a primeira década de existência o repertório do coro era essencialmente religioso e litúrgico, participando nas celebrações religiosas da Paróquia de Olivais-Sul mas, em 1976, torna‐se independente da paróquia e começa a alargar o espectro da sua actividade.

A constante evolução do coro em termos técnicos, vocais, artísticos e interpretativos possibilitou, a partir de 1987, o alargamento do repertório musical ao coral‐sinfónico e a realização regular de concertos com a participação de orquestras ou agrupamentos instrumentais profissionais. Entre outros, realçam‐se a Orquestra Sinfonietta de Lisboa, a Cincinnati Philarmonia Orchestra, a Orquestra Nacional da Lituânia, a Orquestra Filarmonia das Beiras, a Orquestra do Algarve, a Orquestra Sinfónica Portuguesa, a Nova Filarmonia Portuguesa e a Orquestra Metropolitana de Lisboa. A partir da década de 90 intensifica‐se a circulação pelo território nacional, num importante contributo para a descentralização da oferta musical em Portugal. A partir 1991 a então Associação ‐ Coro Regina Coeli de Lisboa passa a contar com um Coro Infantil, que  desenvolve a sua actividade até aos dias de hoje. O coro trabalha diversos tipos de repertório, “a cappella” e com piano, que apresenta em Concertos para que é convidado ou organizados pela Concertato. Destaca‐se a participação na obra “Carmina Burana” de Carl Orff, com o Coro Regina Coeli adulto e, em 2009, a participação na novela Perfeito coração” emitida pela SIC. Actualmente é construído por cerca de 25 crianças dos 6 aos 10 anos, sob a direcção da Maestrina Carolina Gaspar.

Outra das actividades regulares e de maior relevo da Concertato é o Curso Internacional de Música Vocal, realizado em Aveiro, numa parceria entre a Concertato – Associação Musical, a Associação Musical das Beiras / Orquestra Filarmonia das Beiras e a Universidade de Aveiro, a que se juntou recentemente o Estúdio de Ópera do Centro. O curso, que se realizou pela primeira vez em 1999, tem sido uma importante plataforma de formação de jovens cantores e maestros corais. O curso inclui as vertentes de canto, direcção coral e ópera. Tem aproximadamente dez dias de duração e o trabalho desenvolvido nesses dias é apresentado num concerto e nas récitas da Ópera, estas no Teatro Aveirense, sendo ambos os eventos abertos ao público.

Corpos sociais

Direcção
Presidente: José Pedro Boléo-Tomé
Vice-Presidente: João Manuel Marques Caetano
Tesoureira: Teresa Eugénia Lourenço da Cunha
Secretária: Carolina Coutinho Torrinha
1ª Vogal: Sabine Knoch
2ª Vogal: Sandra Alves Borralhinho
3º Vogal: Miguel Mimoso Correia

Conselho Fiscal
Presidente: Mónica Sofia Gomes Panarra
Secretário: Rui Jorge Tomaz Valadas
Relatora: Marta Isabel Rodrigues Rogério

Mesa da Assembleia Geral
Presidente: José Ferreira Martins
Primeira Secretária: Maria João Pedroso de Lima
Segundo Secretário: Luís Duarte Pacheco